faceboook

People Analytics: o que é e por que usar os dados no RH

Entenda o que é o People Analytics e saiba porque usar os dados no RH é cada vez mais importante para a estratégia dos negócios. Veja aqui!

Autor: Redação Impacta

O People Analytics é um processo de obtenção e avaliação de dados relacionados aos colaboradores de uma determinada empresa.

Com esses dados, é possível entender melhor o que acontece dentro da organização no que tange ao seu bem mais precioso: a força de trabalho.

Leia o post para saber mais sobre o People Analytics e veja como essa área pode ser promissora!

O que é People Analytics?

Seguindo um modelo que acompanha a transformação digital, no People Analytics os dados são utilizados para melhorar a experiência de cada colaborador dentro do negócio. Isso faz com que a sequência de resultados (atendimento, conversão, jornada do cliente, resultado financeiro, entre outros), também seja aperfeiçoada.

Dessa forma, o People Analytics nada mais é do que a utilização dos dados de comportamento dos colaboradores para otimizar o trabalho realizado. 

Com a prática, a gestão de pessoas da empresa se torna mais eficiente e moderna e, consequentemente, os resultados são otimizados. Tudo isso baseado no que os funcionários precisam, anseiam, pensam, sentem, desejam e os motivam.

A importância da análise de dados

A análise de dados tem fundamental importância em qualquer organização. Quanto mais os gestores das empresas considerarem a relevância que a informação possui, mais resultados positivos vão aparecer.

Os dados permitem que a empresa tenha uma visão geral do que acontece no negócio para que as grandes estratégias sejam elaboradas. Ao mesmo tempo, o analytics permite entender os detalhes de cada setor para que ações pontuais sejam colocadas em prática.

Nada mais é feito sem olhar os dados. As empresas não podem mais perder tempo e dinheiro em decisões de risco que não tomam as informações como base para sua fundamentação.

Além disso, os dados permitem que as pessoas possam trabalhar por um “bem comum”. Isso significa que, quando toda a equipe entende o que os dados representam para o negócio, a estratégia é alinhada e seguida por todos. 

Ninguém fica perdido e o contraste de ideias acaba transformando-se em uma junção de esforços dentro da empresa.

Como funciona o People Analytics?

O People Analytics funciona da seguinte maneira:

  1. A empresa coleta dados relacionados aos colaboradores através de diversas fontes;
  2. Os dados são organizados por profissionais especializados e/ou com softwares de gestão;
  3. Essas informações são analisadas para identificar problemas e avaliar soluções; e
  4. Por fim, as informações obtidas através da análise são utilizadas para melhorar o processo de tomada de decisão da empresa.

É importante que o profissional que atua nessa área tenha um bom conhecimento de coleta e análise de dados. 

Além disso, é interessante que a empresa invista em tecnologias aplicáveis a essa área. Assim, tudo funciona em perfeita harmonia e com mais eficiência.

Por que usar o People Analytics na gestão de pessoas?

Quando os dados são coletados, organizados e analisados dentro de uma empresa, melhores decisões são tomadas.

Isso é praticamente invariável e, através do People Analytics, esse aspecto é focado e implementado de forma a compreender os dados relacionados aos colaboradores.

Uma empresa que analisa os dados da sua equipe tem mais chances de crescer, pois consegue focar nas estratégias de negócios e, principalmente, no engajamento da equipe através de uma gestão de pessoas feita com base em dados qualificados.

O engajamento dos colaboradores faz com que as empresas se destaquem positivamente no mercado. Isso acontece, porque os funcionários engajados são talentosos e trabalham de acordo com os objetivos, propósitos e valores das organizações.

Além disso, os dados obtidos por meio do People Analytics podem ser utilizados para verificar critérios de eficiência, produtividade, resultados, performance individual e coletiva, entre outros. Tudo isso contribui para um direcionamento mais adequado do trabalho do setor de Recursos Humanos.

Como começar a implementar a análise de dados no RH?

Para implementar a análise de dados dentro do setor de Recursos Humanos de uma empresa, é essencial colocar toda a equipe na mesma página.

É importante que a gestão oriente os colaboradores sobre a proposta em relação ao analytics e os resultados que essa metodologia pode trazer.

Isso pode ser feito através de treinamentos, conversas, workshops, troca de informações com a equipe de RH e TI, entre outros.

O importante é passar a informação de que os dados estão sendo recebidos e analisados para o bem dos colaboradores e da empresa, além de demonstrar como podem ser eficientes e estratégicos.

Depois disso, é interessante fazer um bom planejamento. Os gestores e colaboradores devem saber como os dados serão coletados, quais os dados servirão de base para as análises, enfim, como toda a estratégia vai ser desenvolvida para atingir os resultados esperados.  

O planejamento deve ser feito a curto, médio e longo prazo, podendo, é claro, sofrer algumas alterações e otimizações ao longo do tempo. A equipe, como um todo, também pode estar aberta para sugerir e opinar sobre a estratégia de analytics.

É interessante montar um time de especialistas em People Analytics e análise de dados em geral. 

Os especialistas precisam entender sobre o negócio, o mercado e, é claro, entender sobre pessoas! Assim, o trabalho é realizado com atenção aos principais indicadores e métricas, de maneira personalizada para a empresa.

Outro ponto importante na implementação da análise de dados é a tecnologia. 

Existem softwares de dados que ajudam a coletar, organizar e analisar as informações obtidas.

Porém, o mais interessante é contar com um analista de dados qualificado, assim como outros profissionais do ramo, de acordo com demanda, tamanho e necessidade da empresa.

Considerações finais

Agora que você já sabe como o people analytics é e como ele funciona, que tal entender mais sobre o assunto? Confira o nosso E-book Gratuito – Cruzamento de dados de performance da equipe: quais as principais métricas utilizadas?

Gostou do conteúdo? Então entre em contato com a Impacta e assine a nossa Newsletter.

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!