7 dicas para montar um currículo para a área de TI

Um bom profissional deve sempre deixar seu currículo atualizado, para que as empresas o vejam como um funcionário qualificado para a função designada.(...)

Autor: Redação Impacta

A tecnologia vem crescendo cada dia mais dentro do mercado e na vida pessoal do mundo inteiro, se tornando hoje fundamental possuir ao menos um conhecimento básico. 

Não é à toa que o profissional de TI, responsável por hardware, software, desenvolvimento, redes e banco de dados, tem sido muito requisitado pelas empresas para facilitar e inovar nos processos de armazenagem, produção e segurança.

Por realizar atividades com as informações mais importantes de uma empresa, exige-se um alto grau de responsabilidade e também de conhecimento técnico. 

Então como ser esse especialista preparado? Ou melhor, como conquistar uma boa vaga como profissional de TI? Com um bom currículo!

O currículo é o primeiro contato entre a empresa e o candidato. Esse documento é um resumo profissional e acadêmico do candidato e é necessário um diferencial para despertar o interesse do recrutador.

Mas o que é bom para algumas áreas, para o TI pode não ser o suficiente. Para que você consiga se sobressair dos demais, é muito importante ter:

  •         Uma boa qualificação;
  •         Estar sempre atualizado;
  •         Criatividade para inovar os métodos utilizado pela empresa;

Pensando nisso, listamos para você algumas dicas para a montagem de um currículo de TI, que reúna todas as suas informações e se sobressaia com seus diferenciais. Venha conferir!

shutterstock_672987907

1. Saiba como montar um currículo para TI

Enquanto a maioria dos profissionais é orientada a resumir suas qualificações em no máximo duas páginas, quem está na área de TI pode valorizar currículos longos e detalhados, porque suas atividades e funções são mais complexas. 

Informações sobre as principais habilidades devem incluir as tecnologias com que o profissional já trabalhou e o tamanho e foco dos projetos em que esteve envolvido.

Não se preocupe com quantas linhas serão ocupadas por suas formações, hoje as empresas buscam qualificações, então mostre os cursos e capacitações que tenha realizado. Áreas como Java, DBA, tecnologia Microsoft, PHP, Phyton e, entre outras, estão entre as mais procuradas.

2. Destaque as experiências e projetos que participou

Experiências profissionais são fundamentais para vagas em TI. Especifique suas funções e atividades anteriores, destacando aquelas que estejam relacionadas a vaga. O foco é exibir que você tem capacidade para suprir as necessidades da empresa.

Caso seja novo no ramo profissional, coloque os estágios feitos ou trabalhos voluntários. Isso demonstra a sua vontade de trabalhar.

3. Seja claro nas funções e cargos

Essa informação deve ser simples e direta, descreva de forma clara quais são os objetivos dentro da empresa.

Tome cuidado com o abuso de termos técnicos, muitas vezes os recrutadores não são especialistas na área e podem descartar seu currículo por não compreender o que está escrito. Suas experiências não podem ficar confusas e você deve relacioná-las com a vaga pretendida.

4. Crie um bom portifólio

Sabemos que na Graduação, em todo o semestre, os alunos desenvolvem projetos integrado para avaliação e no final do curso é produzido o seu TCC. Esses projetos poderão ser acrescidos ao portfólio, então coloque links no currículo digital ou endereço no impresso.

Expondo seu trabalho a empresa consegue visualizar melhor o seu trabalho e o que pode oferecer, então capriche em seus trabalhos!

5. Destaque suas certificações

Nessa área, as certificações são muito valorizadas – às vezes até exigidas para determinados cargos – por isso, informe corretamente quais as certificações que você tem, quando e onde tirou.

A certificação ajuda a colocá-los em conversas com outros profissionais da área, construindo assim, um networking. Além disso, elas comprovam o seu conhecimento profissional.

6. Características pessoais 

Todas as informações até o momento são de extrema relevância para seu currículo, porém suas características pessoais também são importantes.

No mercado, os recrutadores têm dado valor não somente aos conhecimentos técnicos, mas também ao desenvolvimento da pessoa. Algumas características estão sendo cada vez mais buscadas pelo pessoal do RH, como:

  • Boa comunicação

Ser comunicativo não significa ficar conversando o tempo todo, mas saber se expressar de forma correta, manter-se calmo no momento da fala e mostrar os problemas ou soluções encontradas com clareza, para que mesmo aqueles que não compreendam do assunto, se situem na conversa.

  • Liderança –

O líder em uma organização é o cargo de maior responsabilidade, pois é ele quem carrega o nome, os valores e a missão da empresa, e principalmente do seu setor.
Essa característica diferencia você dos demais, mostrando à todos da empresa que estará preparado para eventuais situações em que tenha que dar o primeiro passo nas atividades.

  • Empatia –

Não somente para a área de TI, mas sim para toda a vida e qualquer pessoa. Saber conversar com todos os funcionários e compreender os problemas que elas estejam passando. Assim, o ambiente de trabalho se torna um lugar mais leve e agradável.

Portanto, se você tem essas qualidades, é positivo sinalizar em seu currículo.

7. Linkedin

O Linkedin é a maior rede de profissionais do mundo, lá você pode alocar todas suas informações profissionais e as empresas localizam seu perfil de acordo com a vaga que estão oferecendo, além de facilitar o networking e ficar por dentro de todas as novidades do mercado.

Para isso, deixe sempre suas informações atualizadas, participe e interaja de grupos e deixe sua URL personalizada, para que não seja confundido com outras pessoas que tenham o mesmo nome.

Um bom profissional deve sempre tomar conta de sua imagem, para que as empresas o vejam como um funcionário qualificado e consiga alcançar altos patamares, então procure sempre estar atualizando seu currículo, busque inovações para a sua área, seja criativo e procure sempre estar se qualificando de acordo com a necessidade do mercado. Desejamos uma boa sorte na carreira!

 

Gostou do nosso artigo? Então compartilhe nas redes sociais e deixe seu comentário. 

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!