Entenda o que são os cursos livres

Uma ótima opção para quem busca uma formação voltada para o mercado trabalho são os cursos livres. Saiba como funcionam e como podem ser ideais para (...)

Autor: Redação Impacta

Não pode ler esse artigo agora? Ouça a matéria no Player abaixo:

Chega uma hora em que não dá mais para protelar: a gente se forma na faculdade, consegue um emprego na área, mas com o passar dos anos vamos percebendo que nossa profissão exige outras habilidades, que o mercado de trabalho dá mais oportunidades para quem procura se atualizar… Enfim, que está na hora de evoluir.

Mas é aí que também que surgem algumas dúvidas. Voltar às cadeiras da faculdade e tentar outra graduação? Quem sabe uma pós-graduação? Um curso técnico ou profissionalizante? A distância?

Se nenhuma dessas opções te interessa ou não se encaixam na sua realidade atualmente, continue lendo este texto, pois vamos explicar o que são os cursos livres e como eles podem te ajudar a se manter atualizado, crescer na carreira e até conquistar a sonhada independência financeira.

O que é um curso livre?

Os cursos livres fazem parte da modalidade de Educação Profissional. Apesar de não serem reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC), têm base legal no Decreto nº 5.154/04 e na Portaria Nº 008/02. Vale lembrar que o MEC só reconhece cursos com duração mínima de 360 horas, o que não desqualifica a modalidade livre.

Esse tipo de curso tem duração variável, que vai desde algumas horas até alguns meses, e não exige comprovação de escolaridade anterior. Os certificados de conclusão são emitidos pelas próprias instituições que oferecem os cursos, mas nada disso quer dizer que os curso livres dispensam os critérios acadêmicos utilizados nas modalidades da educação superior.

Além disso, muitos dos cursos livres são preparatórios para certificações oficiais de empresas com Adobe, Microsoft, CISCO e outras.

Entenda o que são os cursos livres

Pra quem é mais indicado?

Os cursos livres são mais indicados para os profissionais que desejam qualificação em um período mais curto, sem fazer tanta questão de um diploma.

São ideais para quem está a procura de uma especialização rápida e acessível financeiramente, para quem está iniciando no mercado de trabalho ou para quem quer simplesmente aperfeiçoar um conhecimento ou aprender algo novo.

Por ter menos exigências que uma pós-graduação, por exemplo, o aluno de um curso livre precisa ser mais organizado e disciplinado.

O que difere os cursos livres dos demais?

A primeira diferença é que os cursos técnicos, profissionalizantes e pós-graduações precisam de autorização do MEC para funcionar e devem se adequar a exigências como carga horária e eixo temático. Os cursos livres, ao contrário das outras modalidades, não exigem idade mínima e o aluno só precisa ter terminado o ensino fundamental para se matricular, podendo se qualificar para o mercado antes mesmo da faculdade.

A modalidade livre também é mais rápida e direcionada que as outras, além de tratar as disciplinas de forma bem especifica. Vai direto ao ponto, entende?

As opções de cursos livres são diversas. De Secretariado, Língua Estrangeira e Segurança até Pesca e disciplinas de Odontologia e Web design.

Por fim, outra diferença é que o diploma de curso técnico confere título e o da modalidade livre não. Isso quer dizer que os órgãos que regulamentam as profissões não reconhecem um curso livre como habilitação profissional, somente para capacitação e atualização.

Quais as vantagens dessa modalidade?

Os cursos livres oferecem diversas vantagens. A primeira e, talvez, a mais importante, seja o período de duração. É possível aprender sobre um assunto sem ter que perder tempo estudando disciplinas que não interessam à sua profissão.

Muitas vezes, essa modalidade é oferecida a distância, em cursos online, o que também traz vantagens, como economia de tempo, mensalidade mais acessível, flexibilidade para fazer e entregar atividades e avaliações e, é claro, a chance de assistir às aulas mais de uma vez.

Viu como os cursos livres são ótimas opções para sua carreira? Se achou a ideia interessante, comente e aproveite para indicar outros temas que você gostaria de ver por aqui!

30 Comentários

  1. FABIANNA disse:

    Ajuda também a você descobrir se é aquela área que quer seguir, ao invés de cair de paraquedas em uma faculdade ou curso técnico e ver que não é aquilo. Lá se vai dinheiro e tempo no lixo.

  2. Giovane Junior disse:

    Após alguns anos de pesquisas de mercado e entrevistas e também é claro, minha experiência no ramo. Finalizei um projeto de uma escola de cursos na área têxtil. Gostaria de saber se posso enquadrá-lo como cursos livres e também profissionalizante.

    • Redação Impacta disse:

      Olá, Giovane. Que legal o seu projeto! Sim, com certeza pode enquadrá-lo com curso livre. Porém, para ser considerado como Curso profissionalizante precisaria da autorização do MEC e possivelmente de associações da área. Abraços!

  3. Flávio disse:

    Interessante.

  4. Cristiano Gonçalves disse:

    Fiz um curso de inglês de 7 anos, relativo a duas faculdades de letras, questionava muito essa duração, o que era defendido pela diretora do centro de linguas, tanto é que o governo mudou esse curso para 3 e meio. La me falaram que este curso de 7 anos não era profissionalizante e sim curso livre, como assim se o mesmo é reconhecido pelo mec?

  5. Cléber Santos de Lima disse:

    meu pfc consiste em fazer um projeto pedagógico de um curso na área de saneamento. O mesmo será ofertado por uma empresa estadual gestora ativos de saneamento em parceria com uma uma IES reconhecida pelo mec. Porem as aulas acontecerão no centro de treinamento da empresa. Estou com dificuldades de classificar tal curso….. livre, de especialização, de extensão

  6. Robert Sydor disse:

    Sou engenheiro civil…então juntamente com mais um engenheiro e dois pedreiros, resolvemos montar cursos prático de construção civil. Tipo: “ensino você a construir sua casa. desde a fundação até o telhado”. Será que posso encaixar como curso livre?
    Dá umas 150 horas de aula prática.

    • Redação Impacta disse:

      Olá, Robert. Está aí uma ótima pergunta. Algumas áreas da Construção Civil exigem formações técnicas como eletricista e edificação e, nesse sentido, exigiriam que o curso fosse técnico. Mas se o curso não se aprofundar em pontos de conhecimento técnico e regulamentado, acreditamos que poderia sim se encaixar na modalidade Curso Livre. Esperamos ter te ajudado, Robert!

  7. Mendes disse:

    Boa noite, tenho um projeto de cursos operacionais.
    EX: CURSO DE SOBREVIVÊNCIA NA SELVA.
    -OPERAÇÕES TÁTICAS
    – COMBATE TÁTICONA SELVA.
    – Aph socorrista
    -Aph Tático.
    Esses são exemplos de cursos que sou capacitado certificadamente, e sou ex militar. Queria saber se esse tipo de curso se enquadra na modalidade livre, pois são cursos de no máximo 60hs, 80hs aulas. A empresa já está toda regular com CNPJ é alvará.
    Espero que possa me ajudar nessa dúvida. Obrigado!

    • Redação Impacta disse:

      Olá, Mendes! Que legal, seus cursos devem ser bem interessantes e se enquadrariam na modalidade Curso Livre, sim! Boa sorte na sua jornada que está começando!

  8. Érica Cristina Nascimento disse:

    Bom dia iniciei um Curso Profissionalizante de Podologia na cidade de Sorocaba com 300 hrs e gosaria de saber se poderei trabalhar como podologa ou o correto é fazer o técnico?

  9. LUIZ AUGUSTO disse:

    Estou com a ideia de criar um curso na área de eletricidade, como por exemplo eletricidade básica para construção civil, leitura de projetos elétricos,…. Mas sempre voltados para aperfeiçoamento e reciclagem.
    Tais cursos estariam infligindo a lei se forem ministrados como livres?
    e quais os limites para os cursos livres, em questão de aprofundamento técnico?

  10. Luciano Ramos disse:

    É obrigatório uma escola que se enquadra como ‘cursos livres’ se adaptar a pessoas com defiencia? Por exemplo, é obrigatorio instalar elevador, contratar interpretes e etc?

  11. Divaldo disse:

    A Portaria 008/02 foi emitida por que órgão? Faltou essa informação

  12. alberes silva disse:

    EXISTE ALGUMA RECOMENDAÇÃO OBRIGATORIA PARA QUE O PROMOVENTE DO CURSO LIVRE EMITA O CERTIFICADO?

    • Redação Impacta disse:

      Olá, Alberes! Se o Certificado for apenas para sinalizar que o aluno finalizou o curso da sua instituição não há regras específicas. Se for uma certificação oficial de uma empresa terceira como a Microsoft, por exemplo, existem regras e padrões de cada certificadora. Esperamos ter ajudado

  13. fabio disse:

    curso de agente de portaria e fiscal de loja se enquadra em cursos livres. EU TENHO UMA EMPRESA TODA LEGALIZA NA AREA DE TERCERIZAÇAO DE PORTEIROS ETC.

  14. carlos disse:

    O certificado de um curso livre serve para cortar matéria de um curso técnico?

    • Redação Impacta disse:

      Olá, Carlos! Vai depender muita da sua instituição de ensino, mas o mais comum é que só aceitem outros cursos técnicos como fator de eliminação de matéria. Isso, porque nem sempre é possível comparar conteúdo e carga horária de uma disciplina do curso técnico com um curso livre. O que indicamos é verificar com a instituição essa possibilidade antes mesmo de fechar. Aqui na Faculdade Impacta temos alguns Cursos Técnicos que permitem a eliminação. Esperamos ter te ajudado, abraços!

  15. Heloisa D disse:

    Olá,
    a minha dúvida é: treinamentos corporativos dentro de uma empresa caracteriza-se como curso livre? Ou existem outras legislações específicas?

    • Redação Impacta disse:

      Olá, Heloisa! Cursos e treinamentos corporativos não seguem uma legislação específica e vão seguir os padrões escolhidos geralmente pela área de RH e T&D de uma empresa ou mesmo por uma empresa que ofereça esse serviço, como a Impacta. As chamadas Universidades Corporativas hoje agregam diversos formatos de cursos, de treinamentos curtos e específicos, como no Excel, até a formação de liderança com MBA’s.

  16. Ola boa noite
    Queria saber se o curso livre Bacharelado em Teologia é válido para lecionar em escolas públicas e privadas e assim para o Curso Mestrado Livre?
    Grato

  17. Sou professora aposentada e sinto a necessidade de trabalhar. Ainda não sei a área, mas não necessariamente na área da educação.

  18. Amanda Silva disse:

    Boa noite! Sou médica veterinária como pós graduação Lato sensu e também stricto sensu. Pretendo ofertar cursos de curta duração (8; 12; 24; 48h) a graduados e graduandos de veterinária. É necessário alguma autorização? Obrigada

  19. Larissa disse:

    Esses cursos livres, servem para quem ta fazendo curso técnico ead e quer dispensar alguma disciplina?

    • Redação Impacta disse:

      Bom dia, Larissa!
      Muito interessante a sua pergunta. Os cursos livres não são cursos de especificação em alguma área, por isso o conteúdo não poderá ser levado em consideração para a dispensa de matéria.
      Qualquer dúvida, estaremos à sua disposição! 🙂

  20. Jose Roberto disse:

    Boa tarde,
    Tenho empresa de consultoria código e descrição abaixo e estou pretendendo ministrar cursos especifico de curta duração na área ambiental como por exemplo, plano de gerenciamento de resíduos industriais, hospitalares entre outros. Tenho graduação e proficiência na área ambiental. A dúvida posso ministrar e emitir certificado para esses cursos?
    código/descrição (CNAE)
    85.99-6-04 – Treinamento e desenvolvimento Profissional e gerencial.

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!