Mercado de Trabalho Pós-pandemia: faltam profissionais capacitados em tecnologia

O Mercado de Trabalho no cenário Pós-pandemia vai precisar ainda mais de Profissionais capacitados em Tecnologia. Entenda porque sobram Vagas

Autor: Redação Impacta

Com cerca de 14,3 milhões de desempregados no Brasil em 2021, segundo dados do IBGE, um outro problema também vem preocupando as empresas que planejam a recuperação no cenário pós-pandemia: a falta de profissionais capacitados em tecnologia!

O obstáculo não é novo, já que há anos o mercado de trabalho brasileiro nas áreas de TI e inovação apresenta crescimento e carece de mão de obra especializada. Porém, o cenário de pandemia fez aumentar a escassez desses profissionais.

Afinal, se por um lado provocou uma expansão acelerada do processo de transformação digital das empresas, por outro gerou uma crise econômica e educacional, afetando jovens de todo o país.

Contratações em tecnologia já cresceram 46,2% em 2021

Uma amostra do crescimento da necessidade do mercado por profissionais de tecnologia está no número de vagas disponíveis no Banco Nacional de Empregos (BNE). 

Em janeiro de 2020, portanto em um cenário pré-pandemia, foram abertas 1120 vagas em tecnologia no Brasil. Já em janeiro de 2021 estavam disponíveis 1638 oportunidades na área. Um crescimento de 46,2% de ano para o outro.

Além do aumento de vagas, o aquecido mercado faz crescer também a média salarial da área, em contramão a maioria dos setores da economia em tempos de crise.

Já um levantamento da Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e de Tecnologias Digitais – Brasscom aponta que o setor deve gerar 420 mil vagas no Brasil até 2024.

Mercado de Trabalho Pós-pandemia

Todos esses números e projeções citadas acima devem ser somados ao fato de que muitas empresas pretendem aumentar os investimentos em inovação e tecnologia no cenário pós-pandemia. 

Afinal, os negócios precisam ter mais produtividade e a inovação para acelerar a recuperação e, para isso, vão precisar cada vez mais de especialistas em tecnologia.

Como atualmente as empresas já têm dificuldades para encontrar esses profissionais, o mercado de trabalho pós-pandemia deve continuar enfrentando problemas – caso o cenário não mude.

Mas com tantos desempregados no mercado, por que ainda sobram vagas em ti? Vamos entender melhor!

Faltam profissionais capacitados em tecnologia

Para enfrentar o problema de falta de mão de obra especializada só existe uma solução: investir em capacitação.

Porém, nem sempre ter um conhecimento ou uma formação em determinada área ou tecnologia estará garantindo a qualificação necessária de um profissional para suprir as necessidades da empresa.

Muitos recrutadores reclamam, por exemplo, da falta de profissionais em tecnologia com  facilidade de desenvolver raciocínios lógicos ou com afinidade com análise de dados.

Fora isso, a dificuldade de contratação de especialistas em tecnologia acaba aumentando a concorrência por talentos entre as empresas.

Com isso, além dos salários inflacionarem, muitas vezes acaba acelerando algumas etapas no processo de desenvolvimento profissional, gerando mais cobranças por resultados.

Portanto, além de formar especialistas nas áreas da tecnologia que estão em alta, é preciso que essa formação tenha qualidade e esteja alinhada às habilidades e perfis que as empresas buscam.

Qualificação como solução

Para enfrentar esse desafio, muitas empresas já estão aumentando os investimentos na seleção de talentos e também na capacitação. 

Muitos gestores já perceberam que treinar seus próprios profissionais e oferecer uma opção de plano de carreira na área de tecnologia pode ser muito mais vantajoso e estratégico do que contratar e tentar adaptar à cultura da empresa.

Portanto, uma estratégia que deve crescer ainda mais no mercado de trabalho pós-pandemia será o treinamento e desenvolvimento de equipes e profissionais.

Por outro lado, quem busca uma oportunidade de trabalho no mercado – de hoje e do futuro -, deve se preparar para atuar nas áreas de tecnologia e inovação.

Para isso, a dica é escolher uma instituição de ensino com foco na área e investir numa formação de qualidade nos setores que mais devem contratar nos próximos anos.

Mas quais são eles? Confira a seguir!

As áreas de tecnologia que mais devem ter vagas no cenário pós-pandemia

O mercado de tecnologia é cada vez mais amplo e diversificado, oferecendo oportunidades nos mais variados setores. 

Porém, podemos citar alguns dos principais setores que devem gerar vagas. Confira:

  • Administração de base dados;
  • Administração de sistema;
  • Analista de Suporte e Sevice Desk;
  • Analista de dados;
  • Analista de performance;
  • Cientistas de Dados
  • Desenvolvedor;
  • Business intelligence;
  • Data engineer;
  • Data science;
  • DevOps;
  • Especialista em Cloud;
  • Especialista em Cybersecurity
  • Especialista em E-commerce
  • Infraestrutura e Segurança da informação
  • Gerente de TI

Portanto, se você já pensava em começar uma carreira em TI, saiba que agora é a hora para se destacar no mercado e que esse crescimento deve se manter por mais tempo, exigindo cada vez mais profissionais especializados.

Para te ajudar nesse novo cenário do mercado de trabalho, nós preparamos um guia para entender quem é profissional no mundo pós-pandemia! Você pode baixar gratuitamente o seu: é só clicar AQUI e se cadastrar para receber.

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!