Empreendedorismo Digital: os novos modelos de negócio

O mundo online oferece uma infinidade de possibilidades para quem quer empreender. Entenda o que é o Empreendedorismo Digital nesse artigo!

Autor: GPME

Hoje ela já faz parte de nosso cotidiano e imaginar o dia a dia sem a presença dessa facilidade torna tudo mais trabalhoso. Sim, a tecnologia vem ganhando cada vez mais espaço e segundo dados do IBGE, já somos mais de 126 milhões de brasileiros conectados à internet.
Diante desse cenário, novos negócios vêm surgindo e o mercado digital evoluindo ano após ano. Cogitar iniciar um empreendimento online ou expandir um negócio para o meio digital já se tornou uma realidade lucrativa e necessária.
Separamos abaixo os principais modelos que vêm ganhando espaço no mercado digital.

E-commerce

Um dos modelos mais populares quando o assunto é empreendedorismo digital. Segundo dados da associação brasileira de comércio eletrônico, o e-commerce tem uma estimativa de crescimento de 16% para o ano de 2019, podendo chegar a R$79,9 bilhões de vendas no ano.
O modelo se aplica apenas a produtos físicos, sendo necessária a utilização de estoque ou o trabalho via dropshipping.
Um dos pontos negativos é ainda a insegurança do brasileiro quanto à compra online direta. Por isso, se faz necessária a utilização de meios de pagamentos seguros como o pagseguro e mercado pago.

  • Dica para iniciar no modelo: Procure por nichos que você tenha interesse e conhecimento, estude a concorrência e os principais players do mercado. Interligar seu site às redes sociais e realizar a fortificação da marca através dela, de parceiros e buscadores, como o Google, são fatores que vêm a contribuir em grande escala para o crescimento e sucesso do negócio.

Marketplace

O modelo de Marketplace é similar ao do e-commerce. A grande diferença é que ao invés de ser criada uma loja própria, o empreendedor digital “aluga” o espaço de uma já consolidada no mercado.
Exemplos de Marketplaces com grande credibilidade são: Mercado Livre, Americanas.com e Walmart.
As empresas em si nem sempre realizam apenas a venda de seus produtos, mas interligam empresas que vendem a pessoas interessadas neles. Toda a parte burocrática e de entrega da mercadoria fica por conta deste intermediador.

  • Dica para iniciar no modelo: Procure por Marketplaces com boa reputação no mercado e com um bom custo benefícios em relação a taxas de serviços. Estude o nicho e a aceitação do público quanto ao produto.

Infoprodutos

Se no modelo de e-commerce o empreendedor digital comercializa produtos físicos, no infoproduto é vendido serviços. Cursos online, webinars, E-books, podcasts e entre outros formatos.
O objetivo aqui é entregar conhecimento e informação ao cliente. O formato vem crescendo devido ao bom custo x benefício, tanto para o produtor, quanto para o cliente.

  • Dica para iniciar no modelo: Embora o custo de produção seja relativamente baixo em relação a outros modelos de empreendedorismo, o produtor deve criar autoridade no assunto e tornar seu serviço público. Investimentos em anúncios no Google, Facebook, criação de um site, em ferramentas de automação, assim como um bom trabalho de fortificação de autoridade nas redes sociais são de extrema importância para o sucesso no negócio.

Programas de Afiliados

Com o programa de afiliados, o empreendedor digital pode se afiliar tanto a produtos físicos quanto a infoprodutos de terceiros. O trabalho do afiliado se restringe a vender um produto já produzido e receber as comissões pelas suas vendas. A divulgação e venda pode ser feita através de blogs, redes sociais, anúncios, grupos e entre outros meios.

  • Dica para iniciar no modelo: Busque se afiliar a produtos dos quais você já conhece a reputação e qualidade do mesmo. Quanto a infoprodutos, procure comprar o produto antes de se afiliar. Dessa forma você estará indicando algo do qual você conhece a qualidade e aumentar a sua reputação no meio.

Como vimos, existem diversas formas de começar a empreender no digital. Conhecimentos em Marketing Digital vão te ajudar a divulgar sua marca nesse em ambiente. 
Diga o que achou e tire suas dúvidas nos comentários!

1 Comentário

  1. Uma das maiores ferramentas para venda no e-commerce hoje em dia são as produções de vídeo.

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!