Como se tornar um Consultor de TI?

Com a transformação digital crescendo cada vez mais, juntamente com a Indústria 4.0, o setor voltado para tecnologia está em ascensão, e surgem cada (...)

Autor: Gabriella Uota

Em tempos de transformação digital e Indústria 4.0, o setor de inovação tecnológica segue em franca expansão.
Aliás, dados da consultoria Gartner indicam que, para o ano de 2020, os investimentos em Tecnologia da Informação (TI) devem aumentar cerca de 2,5% em relação aos números de 2019 – o que equivale a um total de R$ 266 bilhões, só no Brasil.
Por tal razão, ser um consultor de TI é uma maneira muito interessante de alcançar o sucesso profissional.
Seguir uma carreira em tecnologia, no entanto, requer uma série de conhecimentos.
Entre habilidades técnicas e comportamentais, quem quer ser um consultor de TI precisa focar no aprendizado constante, saber trabalhar em equipe e ter uma avançada capacidade de interpretação. Mas, no fim, o esforço vale a pena.
Vamos lhe mostrar o que é necessário para que você se destaque nesta área tão promissora!

   O que faz um consultor de TI? 

O consultor de TI é responsável por agregar novas ideias e soluções em uma empresa.
Por meio de um conhecimento avançado em tecnologia, o profissional é aquele que propõe novas soluções, atualizações e adequações nos serviços da companhia – assim ela se mantém alinhada às melhores práticas do mercado.
É papel do especialista fazer uma avaliação completa do uso de serviços e soluções tecnológicas em toda a empresa (ou em um determinado setor).
Como etapa seguinte, o profissional deve idealizar aprimoramentos que possam beneficiar a rotina da empresa.
Dessa forma, o consultor de TI atua:

  • realizando um diagnóstico;
  • analisando o contexto;
  • interpretando  informações;
  • estruturando projetos;
  • avaliando orçamentos;
  • desenvolvendo soluções;
  • treinando os colaboradores;
  • alinhando expectativas;
  • acompanhando resultados.

Garantir que a infraestrutura existente em uma empresa esteja alinhada ao que é adequado para a companhia faz com que o profissional tenha um papel muito estratégico.
Nesse sentido, a consultoria de TI pode ser encarada como uma assessoria, mas também como uma gestão de gastos.

   Quais as vantagens de trabalhar com consultoria em TI?

Por ser um perfil bastante estratégico para uma companhia, o consultor de TI tem a chance ser beneficiar de uma série de questões que são inerentes à profissão. Como um assessor, o trabalho apresenta um nível de cobrança elevado, mas fique tranquilo. São inúmeras as vantagens da carreira!

  • Networking

Talvez o networking seja a principal vantagem da atuação com consultoria em TI.
O profissional dessa área consegue se conectar com várias pontas do mercado, interagindo com empresas e com outros prestadores de serviço.
Aliás, o perfil de prestador de serviço, com potencial para implementar soluções, também faz com que o consultor de TI tenha uma relação próxima com companhias que são referência em tecnologia.
E é aí que podem surgir ótimas oportunidades!
Com isso, é possível expandir a gama de atuação com a ajuda do networking, que é de extrema importância para todo e qualquer profissional nos dias atuais.

  • Flexibilidade

Como autônomo, o consultor de TI trabalha com total flexibilidade. A liberdade de horários e a atuação sob demanda requer bastante planejamento.
Todavia, com o tempo, é possível desenvolver habilidades que possam contribuir para uma maior estabilidade profissional.
A flexibilidade também é encontrada na maneira de atuação que permite driblar alguns dos desafios mercado de trabalho
Pelo perfil muito dinâmico e vasto da consultoria em TI, o profissional pode ser especializar em determinados segmentos de atuação — escolhendo projetos ou tarefas que sejam mais adequados ao seu perfil.

  • Conhecimento

Por ser uma área em constante desenvolvimento -continuamente são lançadas atualizações, novos serviços e propostas -, a consultoria de TI faz com que o profissional acumule um grande volume de conhecimento.
Isso é um importante diferencial para toda a carreira, até mesmo para quem quer fazer uma especialização em gestão de projetos para empreender. 
Seja como for, essa é uma das muitas skills que são características da consultoria em tecnologia da informação. A partir de agora, abordaremos outras.

   Quais são as skills de quem trabalha nesta área?

Entre as soft e as hard skills, o consultor em TI deve ter um perfil muito ativo e aberto ao novo.
Além disso, é importante que suas capacidades de negociação sejam avançadas, além de uma dedicação constante para que o trabalho atinja o nível esperado.

  • Dedicação

Trabalho com muito foco e responsabilidade é algo essencial para qualquer profissional que vai trabalhar de maneira autônoma. Então, todo cuidado é necessário para que o consultor de TI cumpra seus prazos e entregue suas tarefas no nível esperado.

  • Estudo constante

Como abordamos anteriormente, o mercado de tecnologia está em constante atualização.
Por isso, o profissional de sucesso é aquele que está por dentro de todas as novidades. Cursos e especializações em TI são, sem dúvida, primordiais.

  • Capacidade de ouvir

O profissional que atua com consultoria precisa estar aberto para escutar as demandas e reclamações de seus parceiros. Só assim ele conseguirá entregar um resultado alinhado e que atenda às expectativas.

  • Trabalho em equipe

Nem todas as tarefas serão realizadas sozinhas — muito pelo contrário. Por isso, deve-se saber como trabalhar com times, montar uma equipe de TI de sucesso e, principalmente, com colaboradores de setores que não são seus.

  • Gerenciamento de equipes

Ainda sobre o trabalho em equipe, o consultor de TI deve estar apto para gerenciar equipes, delegar tarefas e acompanhar resultados. A capacidade de passar um feedback, por exemplo, será um grande diferencial para quem pensa em escalar os seus processos.

  • Gestão de projetos

Muito além do lado técnico, o consultor de TI precisa estar preparado para gerenciar muitos projetos simultaneamente.
Da mesma forma, deve saber como cumprir prazos, acompanhar resultados e medir riscos. Esses são alguns dos pontos que fazem parte da chamada gestão de processos.
Enfim, o consultor de TI é aquele que identifica necessidades da empresa, implementa novas soluções e faz um acompanhando sob demanda – garantindo que a companhia esteja alinhada aos processos de ponta.
Por isso, o foco no desenvolvimento constante e no aprendizado é essencial.
Procurar por uma instituição de ensino sólida e consolidada, com cursos que abordam questões atuais (ministrados por profissionais com experiência de mercado) é algo que também deve estar na lista de prioridades daquele que quer trabalhar como consultor de TI.
Então, quer saber como se tornar um consultor de TI com diferencial competitivo no mercado? Então deixe seu comentário nos contando se o post foi interessante para você ou caso tenha ficado alguma dúvida!
 

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!