7 maneiras práticas para melhorar o SEO de um site

Algumas técnicas podem melhorar o SEO de um site, deixando-o bem localizado nas páginas de busca e, consequentemente, conseguindo bons resultados.

Autor: Redação Impacta

O cliente de hoje não é o mesmo de alguns anos atrás. Enquanto antigamente éramos bombardeados com propagandas que buscavam apenas atingir um grande número de pessoas e divulgar as qualidades de um produto ou serviço – nem sempre verdadeiras -, nos dias atuais adotamos um papel muito mais ativo nesse processo.
Praticamente todo mundo busca na internet informações sobre o que deseja comprar, tanto a respeito do próprio item quanto da empresa que o comercializa.
Por isso, estar bem localizado nos sites de busca é fundamental para que qualquer marca consiga bons resultados, uma vez que as marcas que aparecem primeiro são as que normalmente conseguem um maior número de vendas.
As técnicas de SEO podem ajudar muito nesse aspecto, mas você sabe mesmo como utilizá-las? Se ainda não está certo disso, leia o texto a seguir. Ele vai ajudá-lo ensinando as mais eficazes maneiras práticas para melhorar o SEO de um site.

Entendendo melhor o SEO

O SEO ou Search Engine Optimization nada mais é do que um conjunto de técnicas que aumentam a relevância de um site nas buscas do Google. A ordem dos sites é determinada por mecanismos através de critérios bem definidos, que ranqueiam a procura.
Isso quer dizer que a estratégia certa pode ajudar seu site a ter uma posição mais elevada quando uma pessoa utilizar as palavras-chaves da sua área de atuação em um endereço de busca como o Google. É uma maneira eficaz de reforçar a marca e aparecer para seu público e por essa razão o SEO está ganhando bastante espaço nos últimos tempos.
Mas ao contrário do que muitos pensam, conquistar a sua posição em sites de busca não necessita de um grande investimento em links patrocinados. Como uma forma de reduzir os custos e trazer pessoas qualificadas, as empresas podem utilizar da busca orgânica para atrair novos leads.
4-maneiras-praticas-para-melhorar-o-SEO-de-um-site

Qual a diferença entre busca orgânica e busca paga?

Antes de saber quais as melhores técnicas para melhorar o SEO você deve entender os tipos de busca que poderão gerar maior visibilidade ao seu site, que são a busca orgânica e a busca paga.
A busca orgânica se refere a todos aqueles visitantes que encontram seu site de forma natural, apenas pelo fato de ter feito uma pesquisa relacionado ao que você oferece em seu site. 
Para você que busca diminuir gastos da empresa, essa é uma ótima forma de reduzir custos e a que mais gera movimentação em seu site. De acordo com a pesquisa realizada pela empresa SEO BrightEdge, a busca orgânica é responsável por 51% do tráfego das empresas.
Mas o processo não é simples, ele demanda tempo e alguns pontos são muito importante para ranquear de uma melhor forma nos sites de busca, que são:
 

  • Originalidade do conteúdo
  • Links externos e internos
  • Autoridade do domínio
  • Densidade da palavra chave
  • Imagens otimizadas

Existem ainda outros tópicos, mas não há uma definição correta para quais as práticas são melhores, porque esses atributos vivem em mudança, mas esses são conhecidos pela maioria das empresas.
Já a busca paga, como o próprio nome diz, são estratégias do marketing que utilizam da compra de algumas palavras chaves que estejam em alta no assunto que você aborda e faz a criação de um anúncio.
Para entender melhor, quando você pesquisa algo que esteja procurando em plataformas de pesquisa como o Google, sempre aparece algumas páginas em destaque com um texto abaixo escrito “Anúncio”, esse é o tipo de busca paga.
Defina sua estratégia junto ao Marketing e pense qual das duas buscas vocês poderão utilizar, lembrando que qualquer uma das duas poderão gerar novos clientes e não há uma superior que outra, tudo dependerá da estratégia definida.

Como melhorar o SEO

Dá para fazer isso de diversas formas, algumas das quais são bem simples e práticas. Confira aqui:

1. Investir nas palavras-chave

Um critério relevante nos sites de busca para fazer o ranqueamento é a presença das palavras-chave buscadas no conteúdo do site da empresa.
Por isso, é essencial que elas estejam em lugares estratégicos: títulos, nomes de conteúdo, URLs e até nas descrições das imagens. Pense nelas como termos de pesquisa: como alguém que está querendo consumir o que você vende procuraria? 
No entanto, cuidado para não “entupir” sua página virtual com quantidades absurdas de palavras-chave. O Google e outros sites do gênero têm programas para combater esse tipo de estratégia. Preze sempre pelo bom senso e a semântica.

2. Crie conteúdos relevantes

O conteúdo é extremamente relevante no momento do ranqueamento. Os mecanismos de busca irão separar o conteúdo que mais se parece com aquilo que a pessoa estará buscando.
Além disso, o objetivo do ranqueamento não é somente a pessoa entrar no seu site para gerar números, ela deve gostar de todo conteúdo apresentado, algo que desperte a sua vontade de continuar a leitura até o final. 

3. Invista na experiência da navegação mobile

Com o avanço da tecnologia, o número de pessoas que pensam em comprar um computador diminuiu muito, isso porque os smartphones têm se atualizado cada vez mais e oferece todos os benefícios que o computador, mas com um preço menor.
O Google tem levado em consideração no momento da busca aqueles sites que possuem uma adaptação para as duas versões. 
Mas existem diferenças no modo de exibição e funcionamento dos navegadores para aparelhos celulares e computadores ou notebooks. Para se ter uma noção, 80% dos usuários deixam de finalizar a compra porque os sites não estão prontos para celulares. 
Por isso a importância da adaptação do seu site para modelo mobile e desktop é fundamental.

4. Construa uma URL amigável

Com certeza você já deve ter encontrado algum site que a sua URL era cheio de códigos misturando letras e números de uma forma estranha. Para o ranqueamento isso poderá prejudicar muito.
No momento que criar o conteúdo, busque personalizar o endereço da página, utilizando o título do conteúdo e o uso da palavra chave. Uma boa página é aquela que você encontra o que estava procurando direto pelo endereço dela.

5. Tenha uma boa meta description

Se você não sabe o que seria a meta description, quando você realiza uma busca aparecerá o título do conteúdo buscado, logo abaixo haverá um texto com uma descrição do que esse site estará oferecendo à você.
google_adwords
 
No momento da criação dessa descrição, você deverá pensar se aquele texto parece ser atraente para seu leitor, pois será o primeiro contato entre o usuário e sua página.
Atente-se às limitações que os sites de busca oferecem, não crie uma meta descrição muito longa, pois será cortado e sua apresentação não ficará das melhores. Leve em consideração um texto com no máximo 160 caracteres.

6. Utilize links internos e externos

Para alavancar ainda mais o seu site, utilize de links internos no momento de desenvolver o seu texto. O Google considera que quanto mais links bons você utilizar dentro da página, maior relevância terá o seu texto.
Além disso, a navegação do usuário para conhecer mais sobre todos os produtos que você oferece será maior, criando a possibilidade de virar um cliente.
Os links externos podem parecer uma forma ruim, afinal por que eu iria mandar o meu usuário para a página de um dos meus concorrentes? Calma, não é bem assim, é muito importante ter essa troca de links entre algumas páginas.
Os textos com dados necessitam mostrar de onde foram retirados aqueles fatos, então quando for realizar partes de estudos, coloque sempre o link de onde você se baseou. 
E por último, essa troca de links poderá beneficiar ambos os lados, visto que aqueles usuários fixos da página de um concorrente, poderão virar possíveis clientes para você e vice versa.

7. Entenda a busca por voz

O Google muda constantemente seus algoritmos, pensando sempre na melhor experiência do usuário e a pesquisa de voz é uma das ferramentas que facilitam ainda mais o nosso dia a dia.
Essa nova opção de busca impacta diretamente no SEO de uma página, aquelas que não estiverem adaptadas, poderão ser deixadas para trás. Se o usuário perceber a falta desse recurso, poderá abandonar seu site e não retornar mais.
Procure usar plataformas que disponibilizam os conteúdos em formatos de áudio, pois a maioria dos usuários não tem muito tempo disponível durante o dia e um conteúdo em que ele poderá ouvir no caminho do trabalho melhora a experiência do usuário.
Essas são algumas formas práticas de melhorar seu SEO. Além de ser uma tática pouco dispendiosa, ela é muito eficaz para melhorar seus resultados e trazer mais público para sua página. 
Não perca mais tempo: siga essas dicas e perceba a diferença! Ainda tem dúvidas? Deixe um comentário!
Se você quiser saber mais, não deixe de baixar o e-book gratuito Guia Completo de SEO no Youtube.

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!