Veja como criar um banco de dados MySQL

Uma das tecnologias mais usadas no mundo é o banco de dados MySQL. Conheça mais sobre ele para aprender a criar um!

Autor: Redação Impacta

Não pode ler esse artigo agora? Ouça a matéria no Player abaixo:

Entre as principais soluções de bancos de dados relacionais existentes no mercado, o MySQL é, sem sombra de dúvidas, um dos mais utilizados, principalmente em ambientes web com sites feitos em PHP.
Sua larga utilização em diversas soluções de TI faz com que profissionais capacitados na instalação, configuração e manutenção deste SGDB sejam bastante requisitados no mercado de trabalho.
Assim, para quem está iniciando na utilização do MySQL, elaboramos alguns passos que serão bastante úteis para criar um banco de dados, bem como cadastrar e consultar tabelas nesse banco.

Acessando o servidor do banco de dados MySQL

Após a instalação padrão do software, o comando utilizado para nos conectarmos ao SGDB é mysql -u root -p. Explicando o comando:

  • mysql: é o nome do programa em si.
  • -u root: o comando que identifica o usuário que neste caso é o root, criado por padrão na instalação do software.
  • -p: é a senha do usuário root. Por padrão, essa senha vem em branco, sendo necessário alterá-la posteriormente em se tratando de sistemas de produção.

Ao se conectar, usamos o comando show databases que mostrará os bancos de dados que existem no servidor. Abaixo uma saída padrão para uma instalação nova:

  • mysql> show databases;

O resultado será os valores: information_schema, mysql e performance_schema

Nesse caso, existem três bancos de dados que são instalados por padrão.

Veja como criar um banco de dados MySQL

Criando um banco de dados

A criação do banco de dados no MySQL é bastante simples. Usa-se o comando CREATE DATABASE ‘nomedobanco’. A seguir criaremos um banco de dados chamado ‘cidades’: O comando seria CREATE DATABASE cadastro.
Após criado, podemos nos conectar a esse banco, usando o comando a seguir:

  • mysql> use cadastro;

Criando tabelas no novo banco

Por se tratar de um novo banco de dados, ele estará obviamente vazio. A criação das tabelas já exigirá do operador um conhecimento um pouco mais avançado sobre tipos de dados e algumas opções de sintaxe do software em questão.
Apresentaremos a seguir um exemplo de criação de uma tabela no nosso banco criado:

  • mysql> create table cidades(id char(2) not null, nome varchar(40),uf char(2));

Nossa tabela será criada com dois campos do tipo caracter: o primeiro chamado ID de tamanho fixo 2. O segundo campo também é um tipo caracter, mas de tamanho variável que poderá ir até 40 posições. Por último, o campo UF de tamanho fixo 2.
Se quisermos ver a estrutura da tabela criada, basta usarmos o comando desc cidades. O MySQL mostrará a descrição dos campos, o tipo de dado — se numérico, caracter, lógico — se é um campo que aceita valores nulos, se é uma chave da tabela e se tem um valor defaullt. Todas essas informações e outras opções avançadas podem ser explicitadas no comando de criação da tabela.

Populando nossa tabela

A seguir, vamos mostrar como inserir dados na tabela. Note que as informações devem ser consistentes com a estrutura. Isto é, não podemos exceder o tamanho do campo, nem inserir caracteres quando o tipo do campo é numérico.
No caso de campos de caracteres, é possível inserir números, bem como alguns caracteres especiais. Vejamos o comando:

  • mysql> insert into cidades (id,nome,uf) values (‘1′,’Fortaleza’,’CE’);

Esse comando vai inserir uma linha na tabela com os valores respectivamente descriminados. Note as aspas obrigatórias em campos tipo caracter. Mesmo o primeiro valor sendo o número um, ele foi definido como caracter na criação da tabela.
A utilização de um banco de dados MySQL em um ambiente corporativo tem se tornado cada vez mais comum, bem como a procura por cursos especializados para capacitar profissionais que atendam a essa demanda do mercado.

Interessou-se pelo assunto? Veja esse vídeo sobre curiosidades do MySQL, como o salvamento de consultas usando VIEWS, com o instrutor Eduardo Pretel: 

Gostou do post? Deixe seu comentário sobre o quanto o conteúdo foi útil para você ou caso tiver alguma dúvida!

2 Comentários

  1. I need your support, to build better ideas.
    Thank you in advance.
    Regards
    Carlos Dias Alberto

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!