O que é necessário para ser trainee nas melhores empresas?

Nas empresas atuais e, principalmente nas startups, é uma ambição de todos os formandos ser um treinee em algumas delas, que são consideradas as melhores. (...)

Autor: Gabriella Uota

Se você está pensando em ser trainee — e ambicionando uma posição nas grandes empresas do mercado — saiba que existem algumas habilidades que podem ser desenvolvidas para acelerar a sua conquista. Para quem tem como objetivo atuar como líder ou trabalhar de maneira estratégica (contribuindo para a evolução de uma empresa), esse é um caminho interessante para crescer profissionalmente.
Um programa de trainee pode ser definido como um treinamento amplo e diferenciado, voltado para o desenvolvimento de talentos recém-formados, e tem grande importância dentro da cultura da inovação. O processo de seleção costuma ser mais complexo, assim como a remuneração e os benefícios tendem a ser amplos.
Geralmente, podem participar de um programa de trainee aqueles estudantes que estão no último período do curso universitário ou com até dois anos de graduação. Seja como for, é uma oportunidade única para ser adicionada no currículo. Além de abrir portas profissionais e expandir o networking, é uma oportunidade para aprimorar habilidades e fortalecer a confiança no próprio trabalho.
São diversos os benefícios, não é mesmo? Para ajudar você na preparação para ser trainee nas melhores empresas do país, separamos algumas dicas infalíveis. Confira!

Faça uma graduação exemplar

Uma das grandes vantagens de ser trainee é conseguir entrar em uma empresa para dar sequência ao processo de aprendizado. Os programas tendem a incluir o desenvolvimento de habilidades gerenciais, além de momentos para aprender sobre cada aspecto do negócio no qual você trabalhará.
No entanto, para conseguir conquistar uma vaga desse nível, você precisa ter uma bagagem sólida. Por isso, uma graduação exemplar, em uma instituição com foco no mercado, faz toda a diferença. Vale até mesmo dar a preferência para uma faculdade privada, na qual você tem mais previsibilidade sobre formatura e pode se programar melhor para o início de suas atividades profissionais.
Afinal, para conseguir passar pelo concorrido processo seletivo para trainee, o estudante precisa ter conhecimentos avançados no assunto de sua graduação. É por isso que dedicação, comprometimento e visão de futuro são essenciais nesse momento.

Trabalhe o autoconhecimento

O perfil profissional de grandes empresas está cada vez mais atrelado às chamadas soft skills. Esses traços de comportamento incluem uma série de pontos que não podem ser aprimorados apenas com estudo — eles precisam de muito autoconhecimento.
Em um mercado cada vez mais tecnológico, no qual a transformação digital vem trazendo novas formas de ser produtivo e flexível, estar preparado para mudanças contínuas nos processos e ter uma comunicação clara são pontos que dão o tom da nova liderança.
Por isso, o autoconhecimento é um importante pilar para o estudante que planeja ser trainee. Seja no processo seletivo, seja durante a fase de aprendizado, há uma demanda por habilidades que vão além do campo do intelecto.

Desenvolva o trabalho em equipe

A ideia de uma atuação solitária, sem a ajuda de colegas, já não faz mais sentido em empresas que vem apresentando organizações cada vez mais complexas.
Além disso, os movimentos do mercado demonstram que, na busca por disrupção, melhorias de processos, redução de custos ou mesmo otimizações no fluxo de trabalho, a visão do grupo faz toda a diferença.
Por isso, o candidato a um processo de trainee precisa ter uma visão global do negócio. Parte disso é entender que o trabalho em equipe é mais do que necessário — é uma regra.
Dentro do trabalho de equipe, existem alguns pontos que podem ser ressaltados e que podem ser experimentados ainda durante o curso superior. Alguns exemplos são:

  • capacidade para delegar tarefas;
  • habilidade de transmitir um bom feedback;
  • competência para motivar um grupo;
  • tolerância para aceitar ideias diferentes;
  • paciência para saber ouvir o que os colegas têm a dizer;
  • aptidão para gerenciar conflitos.

Essas são característicos de um líder, mas também demandas das empresas modernas — até mesmo para trabalhar em startups, tão cobiçadas nos dias atuais.

Estude outros Idiomas

Aprender um segundo (ou terceiro) idioma já não é mais um luxo, é uma necessidade. A globalização e a quebra das fronteiras com a Internet e os novos formatos de trabalho são uma realidade que não pode ser ignorada.
Para quem quer ser trainee, é impossível pular tal questão. Até porque muitos dos materiais de estudo valiosos para o aprimoramento de suas qualidades podem estar nessas línguas, sem uma tradução para o português — o que dificulta bastante a vida de quem não conhece outros idiomas.
Uma dica importante é começar a pensar no aprendizado de língua como algo que pode estar focado em um nicho de atuação ou em uma empresa específica, que já parece interessante para você.
Quer um exemplo? Se o seu desejo é trabalhar no mercado automotivo, o conhecimento em alemão ou italiano pode fazer toda a diferença. Mas se você está de olho em multinacionais com forte presença na América Latina, um espanhol avançado vai colocar você lá na frente no processo seletivo para trainee.
Em outras palavras, você pode ter uma visão estratégica para se dar bem em tempos de educação empreendedora e sair na frente da concorrência!

Planeje-se

Todos os seus esforços serão em vão se você não conseguir se organizar bem — e isso vale para qualquer grande projeto profissional. Não perder prazos é a base para quem quer ser trainee nas melhores empresas do mercado.
Por isso, ainda durante o curso superior, comece a trabalhar com um plano de carreira. Estabeleça algumas metas e organize-se de forma orientada. Construir um plano de desenvolvimento profissional (o chamado PDI) pode ser um primeiro passo.
Dessa forma, você vai conseguir ter muito mais clareza sobre os seus próximos passos profissionais. Os resultados serão ótimos, não duvide.
Se o momento de você se candidatar a uma vaga para ser trainee está perto, fortaleça os seus estudos em intraempreendedorismo, aprenda sobre metodologias ágeis de projeto ou faça uma avaliação de pessoas que já passaram pelo processo e podem dar dicas importantes. Dê o próximo passo rumo ao seu sucesso!
Você conseguiu entender o que é necessário para ser trainee? Agora, continue aprendendo e assine a nossa newsletter para receber conteúdos exclusivos diretamente no seu e-mail!

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!