Marketing pessoal: 5 dicas de como ser visto como um líder!

Para se tornar um Líder é preciso ter algumas Habilidades Específicas, Construir uma Carreira e também Caprichar no Marketing Pessoal. Veja as Dicas (...)

Autor: Jéssica Lima

Não é preciso ocupar um cargo de gestão para ser visto como um líder. Mas, certamente, desenvolver algumas habilidades por meio do marketing pessoal pode ser um fator decisivo para quem ambiciona uma posição de liderança. 
Já percebeu que ao trabalhar formas de aprimorar o networking, o autoconhecimento e também explorar a qualificação pessoal, algumas pessoas conseguem se destacar no mercado de trabalho? Essa é uma realidade.
Quer aprender mais sobre o assunto? Para que você descubra se está no caminho certo para o seu sucesso profissional, rumo à liderança, separamos 5 dicas de marketing pessoal para que você alcance os seus objetivos.

Marketing pessoal: poderosa ferramenta de autopromoção

Marketing pessoal é o nome dado às estratégias utilizadas por indivíduos para promover a sua imagem na esfera profissional e fortalecer a credibilidade. Também é uma maneira de aprimorar a forma com que eles são vistos pelos seus colegas e superiores na empresa, além de, com a ajuda das redes sociais, fortalecer a sua imagem perante clientes ou para o mercado de trabalho.
Em outras palavras, marketing pessoal é uma ferramenta de autopromoção para quem quer conquistar reconhecimento profissional. É a maneira pela qual você consegue se colocar como uma referência em determinado segmento, potencializando a sua autoridade e a forma com que você é percebido como profissional.
Atualmente, plataformas como o LinkedIn e o Instagram, além de blogs, podcasts, entre outros, são essenciais para uma boa estratégia de marketing pessoal. 
Mas nas pequenas atitudes do dia a dia também é possível trabalhar com essa autopromoção. Isso, aliás, faz toda diferença para quem tem entre os seus objetivos a conquista de um cargo de liderança.

Liderança e marketing pessoal: importante relacionamento

No mercado de trabalho, o marketing pessoal é uma maneira de comunicar e mostrar para a equipe qual o seu potencial e como você pode contribuir com o time por meio das suas características pessoais e conhecimentos — até mesmo porque existem vários tipos de líderes.
Algumas vezes, ao se preservar demais ou por excesso de modéstia, as habilidades dos profissionais podem ficar escondidas. Nesse sentido, é preciso ter em mente que não há razão para esperar que o gestor direto ou algum colega descubra quais são os seus conhecimentos. 
Por isso, mostrar ao mundo o que você sabe fazer e falar sobre as suas conquistas é uma potente arma de marketing pessoal.
O relacionamento entre liderança e marketing pessoal é capaz de aumentar a confiança dos liderados no líder, a partir do momento que eles percebem que estão sendo orientados por alguém que tem as habilidades necessárias para isso.
É sobre isso que falaremos a seguir, ao mostrar por meio de dicas básicas (ainda que essenciais) como trabalhar o seu marketing pessoal para ser visto como um líder.

5 dicas essenciais para desenvolver o seu marketing pessoal

Agora que você já sabe qual o poder do marketing pessoal, chegou a hora de desenvolver o seu potencial. Confira algumas boas práticas por meio de 5 dicas!

1. Pratique o autoconhecimento

Ao desenvolver o autoconhecimento, é possível potencializar as suas habilidades com a ajuda da consciência das suas qualidades e pontos de desenvolvimento. Esse é um detalhe que faz com que você tenha mais clareza dos seus objetivos — como o que precisa ser feito para que eles sejam alcançados.
O autoconhecimento contribui para a segurança na tomada de decisão e para a resiliência, fatores que fazem com que um profissional seja uma inspiração para os demais. No marketing pessoal, esse é um grande diferencial. Um coach de carreira pode ajudar nisso, sabia?

2. Tenha foco nas suas habilidades

É importante explorar (e divulgar) as suas habilidades e virtudes. Ao falar sobre suas conquistas e compartilhar pontos importantes da sua trajetória, você inspira a equipe e motiva os demais para que eles também sigam seus sonhos profissionais.
Ainda que expor as suas falhas e fracassos possa ser estratégico, lembre-se de que, para o seu marketing pessoal, isso deve ser feito com muita cautela — principalmente quando as interações acontecem com contatos que podem contribuir para o desenvolvimento da sua carreira.

3. Tenha um bom networking

Manter uma ampla rede de relacionamentos, com contatos sólidos alimentados por uma imagem limpa, é um fator predominante para a ascensão de um profissional. A temporada de faculdade pode ser muito proveitosa para isso.
Com o networking, é possível trocar informações e ter as portas sempre abertas tanto para a recolocação profissional quanto para a conquista de novos talentos do mercado.
Mas como ter uma sólida rede de contatos? Considere os seguintes pontos:

  • ter uma escuta ativa;
  • manter o respeito nas interações;
  • estar disponível;
  • tratar todos com respeito e educação;
  • ser autêntico.

4. Aposte na autenticidade

Autenticidade é um elemento central para o bom marketing pessoal. Por isso, não tente imitar outras pessoas. Entenda que há uma grande diferença entre ter um mentor ou alguém em quem você se espelha, e tentar reproduzir os comportamentos de alguém que você admira.
Ou seja, é uma grande virtude expressar o que realmente pensa, expor sentimentos, se abrir para a vulnerabilidade e, mesmo que nos momentos de crise ou falha, ser autoconfiante.
O líder continuamente se depara com situações nas quais é preciso desagradar os outros em algum nível. Mas com autoconfiança e foco no objetivo a ser alcançado — e que pode beneficiar a todos —, a segurança não é abalada.

5. Invista na qualificação profissional

Uma educação empreendedora é um importante diferencial de marketing pessoal com foco em liderança. Cada vez mais, o mercado procura por profissionais com senso de dono.
Preparar-se para o mercado de trabalho e desenvolver habilidades de gestão, gerenciamento de crise, tomada de decisão estratégia, além de responsabilidade, são fatores que podem fortalecer o seu marketing pessoal. Pense nisso ao estruturar o seu plano de carreira.
Neste artigo, vimos o caminho para um marketing pessoal forte, que contribui para uma imagem de liderança, com capacidade de influenciar pessoal e potencializar a sua imagem profissional. Siga as dicas que passamos e você notará os benefícios em sua carreira!
Depois de conferir dicas de marketing pessoal, chegou a hora de se preparar para o mercado de trabalho. Antes de decidir qual rumo seguir, entenda se existe diferença entre pós-graduação e especialização.

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!