Entrevista com o desenvolvedor do app You Coach, Marcos Degni

Autor: Redação Impacta

Destacado pela Exame como uma das grandes novidades do ano, o aplicativo You Coach é um exemplo de como a tecnologia cada dia mais vem tomando parte no processo de tomada de decisões, seja com orientação, seja com mensuração de riscos e resultados ou mesmo com processos de otimização da rotina diária. Conversamos com seu criador, Marcos Degni, para entender um pouco de seu trabalho e os caminhos que o levaram a criar o app. Confira a seguir!

Blog Impacta: Marcos, parabéns pelo reconhecimento na publicação. Pra começar, nos fale um pouco sobre você, sua profissão e atuação.

Marcos Degni: Venho da área financeira, onde atuei por 20 anos em Controladoria, Auditoria e Gestão em bancos. Recentemente, optei por fazer uma transição de carreira voltada para Tecnologia, mais especificamente, desenvolvimento de aplicativos em iOS.

BI: O que te atraiu e como você se preparou para entrar no mercado de desenvolvimento?

MD: Desde muito cedo me senti atraído por tecnologia e desenvolvimento. O primeiro contato com um Apple II na infância deixou uma semente que está germinando agora. Eu precisava de algo que me desafiasse constantemente. E agora encontrei! Fiz o curso de Desenvolvimento de Aplicativos para iOS e o curso de Gestão de Projetos, ambos na Impacta. Também estudei HTML5, WordPress e Design para Web. PHP é o próximo da lista. É muita informação, e não acaba nunca. Os profissionais de TI têm de se manter atualizados sempre!

BI: Nos conte a respeito do You Coach, suas funções e como surgiu a ideia para seu desenvolvimento.

MD: Quando me matriculei no curso de desenvolvimento de Aplicativos em iOS na Impacta eu achei que seria muito útil ter um projeto em andamento durante o curso. Seria uma forma de praticar, fixar o conhecimento e, principalmente, gerar dúvidas. Numa conversa com um amigo, profissional da área de Coaching, veio a ideia: fazer um app que guiasse o usuário num processo de coaching completo. Fizemos uma parceira a três: o Daniel Abissamra entrou com todo o know-how, o André Percia fez a divulgação em seu canal no YouTube e eu fiquei com a parte de gestão do projeto, desenvolvimento em iOS e Design do app.

BI: O You Coach é o primeiro aplicativo que você criou? Como foi o processo de criação? Acredito que se deparou com muitas novidades, certo?

MD: Sim, o You Coach foi o primeiro app que desenvolvi. Era tudo novidade: o primeiro passo foi partir da ideia inicial e colocar no papel como o app iria funcionar, ou seja, colocar no papel como é um processo de coaching e fazer isso caber num iPhone. Foi um processo trabalhoso e um excelente aprendizado: entre o que o cliente almeja e o que pode ser colocado num dispositivo móvel pode haver um gap!  Depois disso vieram design e a programação. Foram muitas horas de cabeça quente até sair o app, sem contar que o instrutor Felipe Martins, da Impacta, deu uma boa ajuda.

BI: Quais os seus planos para o aplicativo? Quais os próximos passos em relação ao You Coach?

MD: O You Coach já está na sua segunda versão. Nesta atualização incluí traduções para o inglês e o espanhol e um painel de controle. Agora estamos fazendo o trabalho de divulgação: o app saiu na lista dos apps da semana de 12/4, na sessão de Tecnologia da Exame.com, e está sendo divulgado em canal especializado (YouTube/AndrePercia). Em breve, iniciaremos alguma publicidade, provavelmente no Facebook.

BI: E quais são seus planos para o futuro? Já tem uma nova criação em mente ou algum projeto em andamento?

MD: Recentemente lancei o iFigurinha, um app gratuito para controle de figurinhas do álbum da Copa que publica no Facebook do usuário uma lista das figurinhas que ele precisa e das que ele tem para trocar. Foi um sucesso: quase 1000 downloads em uma semana – e sem divulgação!

Hoje estou analisando a viabilidade de alguns projetos. Também procuro parceiros nas áreas de design, desenvolvimento para Android e desenvolvimento de banco de dados e web services.

BI: Obrigado, Marcos! Muito sucesso na carreira!

 

Confira outras entrevistas realizadas aqui no Blog Impacta:

2 Comentários

    Deixe o seu comentário!

    Não perca nenhum post!