Minha Conta
Recuperar Senha

Digite seu endereço de e-mail que foi cadastrado e enviaremos seus dados de acesso.

Minha Conta

A senha deve conter no mínimo 6 caracteres.

Ao se cadastrar, você concorda com a Política de Privacidade e Segurança

Mudar Data: Photoshop CS6 Módulo I
Preço
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
  Itens Preço
Carrinho de Compras
O carrinho está vazio.
INVESTIMENTO TOTAL:0,00

Esqueci minha senha

Foi enviado um e-mail para com os dados de acesso.

Saiba o que fazer para escolher uma carreira profissional

Escolher uma carreira profissional que, mais tarde, você possa ter orgulho de "chamar de sua" pode ser um desafio e tanto. Afinal, você tem que enfrentar suas próprias expectativas, de parentes e de amigos.

Lembre-se, porém, que esse já não é o tempo de nossos avós: uma atividade ou emprego, não é, necessariamente, um compromisso para muitas décadas ou para a vida toda. Caso um caminho se mostre tão bom que nem seja preciso mudar de rota, tudo bem, mas essa não precisa ser a regra.

De qualquer forma, é muito bom escolher bem e começar com satisfação. Confira o que fazer para acertar na escolha da carreira:

1 Esteja atento ao seu perfil, seus gostos e competências

'"Conhece-se a ti mesmo". Essa famosa expressão (assumida pelo filósofo Sócrates, na Grécia clássica, como base de seu pensamento) cai como uma luva também quando o assunto é carreira profissional.

É preciso olhar para sua história, para o que você já gostou e gosta de fazer, para os temas que costumam chamar sua atenção — enfim, suas identificações. Isso é ter consciência do próprio perfil. Esse conhecimento ajuda a encontrar um caminho mais próximo de suas aspirações, bem como avaliar opções que merecem ser descartadas.

Não deixe que a ansiedade atropele a autorreflexão antes de se decidir por um curso, seja de graduação ou de capacitação, que vai pavimentar sua entrada do mundo das profissões.

2. Informe-se sobre tendências para orientar a carreira profissional

Periodicamente, veículos de comunicação divulgam áreas profissionais que estão em alta ou que especialistas avaliam que dominarão o mercado nos próximos anos.

Uma pesquisa da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), por exemplo, que entrevistou profissionais de RH e setor operacional, listou 20 carreiras em alta até 2020. Entre elas, marketing, comunicação, engenharia e gestão de qualidade.

As pesquisas que focam em períodos maiores, voltadas para o futuro, são melhores guias do que aquelas que exploram apenas o que está dominando o momento ou com mais altos salários. Isso porque, às vezes, há tendências que não são de fato tendências: são segmentos alimentados pelo cenário econômico ou demandas pontuais da sociedade, e que, depois, perdem o fôlego.

Ao checar essas listas, procure ler o que dizem os analistas a respeito de cada área. Nessas análises, pode haver abordagens sobre certas profissões que ajudem você a se encontrar. E talvez você até descubra que certas preferências suas não têm boa resposta de mercado e, então, é preciso encarar a realidade: não se guie só pelo sonho!

Como escolher uma carreira

3. Pesquise sobre profissões e observe as opções em cada segmento

Note que áreas profissionais costumam ter ramificações. Assim, se, por exemplo, o mercado publicitário pode não estar muito bem em determinado momento, pode ser que alguma atividade relacionada, como o design gráfico, experimente forte demanda.

Procurando conhecer bem as funções e atividades de cada área profissional, fica mais fácil encontrar opções em que, a princípio, aparentemente não haveria muito o que escolher.

4. Participe de seminários, congressos e cursos de capacitação

Atualmente, as redes sociais, sites e blogs são ótimos lugares para tomarmos conhecimento de seminários, palestras, congressos e similares sobre temas diversos, às vezes de baixo custo e até gratuitos.

Essas são oportunidades para abrir ainda mais a mente, conhecer caminhos que você talvez nem imaginasse que existam ou até ver despertar seu interesse por áreas inesperadas.

Cursos de capacitação (também chamados cursos livres) são, igualmente, uma boa pedida. Alguns são bem curtos e podem ajudar você a avaliar se quer mesmo ou não seguir uma área. Além disso, enriquecem seu currículo.

5. Recorra a testes vocacionais para ter mais segurança

Caso não sinta firmeza em suas próprias análises quanto a seus gostos e escolhas, testes vocacionais são uma opção de ajuda. Esses testes mostram aptidões, não são um caminho mágico, mas certamente darão a você mais confiança quanto a rumos a tomar.

Gostou das dicas e quer saber mais? Baixe nosso e-book sobre o mercado de trabalho — é uma boa forma de continuarmos a conversa.
 
[fbcomments url="" width="100%" count="off" num="3" countmsg="wonderful comments!"]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

Artigos Relacionados