Minha Conta
Recuperar Senha

Digite seu endereço de e-mail que foi cadastrado e enviaremos seus dados de acesso.

Minha Conta

A senha deve conter no mínimo 6 caracteres.

Ao se cadastrar, você concorda com a Política de Privacidade e Segurança

Mudar Data: Photoshop CS6 Módulo I
Preço
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
15/09 a 26/09 Manhã 4000,00
  Itens Preço
Carrinho de Compras
O carrinho está vazio.
INVESTIMENTO TOTAL:0,00

Esqueci minha senha

Foi enviado um e-mail para com os dados de acesso.

Veja como organizar os estudos com o Excel

Planejar os estudos por meio de uma agenda ou de uma tabela pode funcionar até determinado ponto. A gente se organiza, faz um cronograma para a semana e começa muito bem, até que surge um amigo precisando de ajuda ou um parente querido pedindo um favor. Como negar? A gente não nega. Depois de cumprir a missão, sentamos e organizamos tudo outra vez.

Existem formas mais fáceis de montar planos de estudos que sejam tão dinâmicas quanto o seu dia a dia. Já pensou em usar o Excel para melhorar a sua rotina?

Entenda agora como organizar os estudos utilizando essa ferramenta mágica!

O que é o Excel?

O Excel é um software que faz parte do pacote básico da Microsoft e que, muito provavelmente, já está instalado no computador. Trata-se de uma ferramenta que contém planilhas eletrônicas cuja finalidade é fazer cálculos automaticamente.

Por que montar um plano de estudos no Excel?

Montar um plano de estudos nada mais é que estabelecer metas diárias, semanais e mensais de dedicação para atingir um objetivo maior: passar de ano, no vestibular ou em um concurso. Se você planeja, consegue manter o foco e diminui a ansiedade.

O Excel, no caso, vai evitar o retrabalho que citamos na introdução deste post. Se acontecerem imprevistos na sua rotina ideal de estudos — e eles vão acontecer —, com alguns cliques você atualiza toda a estratégia.

Veja como organizar os estudos com o Excel

Como organizar os estudos utilizando essa ferramenta?

Entenda a sua estrutura

As tabelas do Excel são divididas em retângulos chamados de células. Um grupo de células na vertical, uma abaixo da outra, é chamado de coluna; já um grupo de células na horizontal, uma ao lado da outra, é chamado de linha.

Além disso, o programa disponibiliza várias abas com essa mesma estrutura que você pode usar no mesmo documento.

Escolha um título para o documento

Cada documento deve ter um título que apresente o objetivo que se deseja atingir. Exemplo: “Plano de estudos para vestibular tal”. Dessa forma, você vai saber onde encontrar as informações que precisa rapidamente!

Encontre uma lógica para as abas

Uma das planilhas pode conter uma relação mais genérica da rotina de cada dia da semana, estabelecendo em qual dia e em qual horário a atividade será executada. Exemplo:

Planilha “Rotina de Tarefas” (segunda-feira):

  • 6h acordar;
  • 6h30 tomar café da manhã;
  • 7h estudar Matemática;
  • 8h30 intervalo;
  • 8h40 estudar Português.
Você também pode estabelecer uma relação entre os conteúdos de cada matéria e os dias do mês, até a data da prova, para não se perder. Exemplo:

Planilha “Cronograma de Matemática”

  • 04/04: estatística e probabilidade (análise combinatória — permutação);
  • 06/04: estatística e probabilidade (análise combinatória — fatorial);
  • 08/04: estatística e probabilidade (análise combinatória — arranjo simples);
  • 10/04: análise combinatória (revisão e exercícios).

Lance todas as informações

Experimente o formato que você terá mais facilidade de ler e compreender as informações. Dica: geralmente as pessoas optam por ordenar em colunas o item com mais informações e em linhas, o outro.

No exemplo anterior, a planilha “Rotina de Tarefas” terá os dias da semana dispostos em linha e os intervalos de horários, em colunas. A célula de encontro das duas informações será preenchida com a atividade correspondente!

Integre as informações das planilhas

Você pode fazer isto por meio das fórmulas que o Excel disponibiliza, que valem tanto para cálculos numéricos, quanto para informações qualitativas. Assim, se você altera um dado, os demais dados vinculados a ele serão recalculados automaticamente.

Use cores

Um plano de estudos perfeito também envolve o uso de cores e o Excel pode ser programado para preencher estas cores de maneira automática. Ao integrar as planilhas, programe também cores que representam que você concluiu etapas.

Por exemplo, programe as células para ficarem azuis a partir da data X, e verde da data Y, o que significará que determinadas matérias já foram eliminadas (estudadas). Quer incentivo melhor do que este?

Se você gostou do programa, vale fazer um curso básico para saber utilizar suas ferramentas essenciais e que já serão muito úteis. Aprenda como organizar os estudos, as economias e gerir sua futura carreira profissional usando essa ferramenta!

Gostou do post de hoje? Então compartilhe-o com seus amigos nas redes sociais!
[fbcomments url="" width="100%" count="off" num="3" countmsg="wonderful comments!"]
  1. Caroline

    Está corretíssimo! Hoje em dia é difícil de imaginar trabalhar sem usar o Excel. Em relação aos estudos, quem não usa só faz perder tempo.
    É muito compensador gastar algumas horas preparando uma planilha e planejando os estudos, visto que o tempo economizado ao longo do período de estudos é muito maior.
    Ótimo artigo, continue com o bom trabalho!

    Responder
    1. Redação Impacta

      Que bom que gostou, Caroline! Continue acompanhando o Blog Impacta para ver mais dicas e novidades do Excel e do mercado digital!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

Artigos Relacionados