Como otimizar a infraestrutura das Nuvens?

As nuvens são bancos de armazenamento de dados que oferecem tanto espaço quando segurança para o usuário, mas você sabia que elas podem ser otimizadas?(...)

Autor: Redação Impacta

Ricardo Rodrigues é Coordenador de Graduação e Pós-graduação Internacional em Redes de Computadores FIT – Faculdade Impacta Tecnologia

Cloud Computing, ou Computação em Nuvem, é um estilo de computação no qual as informações de TI são entregues como serviço aos usuários finais, com alta escalabilidade e de maneira elástica, através da Internet.  
O maior benefício da utilização da computação em nuvem é de permitir a criação de uma infraestrutura virtual ágil que pode ser ampliada ou reduzida conforme as necessidades da sua utilização e que é provisionada sob demanda, como um serviço.

   Os serviços oferecidos na nuvem são classificados como: 

SaaS (Software como Serviços) o qual é focado no usuário final onde o software é “alugado” de um provedor de serviços ou invés de ser comprado.
PaaS (Plataforma como Serviço) é utilizada por desenvolvedores de aplicações e que oferece uma plataforma de desenvolvimento onde o software pode ser desenvolvido, testado e implantado.
IaaS (Infraestrutura como Serviço) é a utilização terceirizada da infraestrutura de computação de um provedor de serviços. Como exemplo, a alocação de máquinas virtuais em provedor de Internet. As nuvens podem ser classificadas em Nuvem Privada (Interna), Nuvem Pública e Nuvem Hibrida.
A Nuvem Privada é uma estrutura em nuvem criada e gerenciada pela própria corporação. O departamento de TI dessa corporação utiliza a nuvem para prover serviços aos usuários internos.
A Nuvem Pública é uma infraestrutura que pertence e é gerenciada por um provedor de serviço externo a corporação.
Já a Nuvem Híbrida combina os modelos das nuvens públicas e privadas, permitindo que uma nuvem privada possa ter seus recursos ampliados a partir de recursos em uma nuvem pública.
A arquitetura de computação em nuvem está presente na nova geração de data centers que utilizam infraestrutura de comunicação unificada e convergente, virtualização de servidores e storage, TI como serviço, com otimização de custos e de energia, com aumento de tráfego de dados e gerenciamento dos recursos utilizados de maneira eficiente.

  A otimização da infraestrutura da computação em nuvem pode ser obtida pela:

– Redução da complexidade e custo da infraestrutura da nuvem através da virtualização, da alta disponibilidade da informação e balanceamento de carga na nuvem
–  Utilização eficiente da Energia através do Green Data Center (Green IT)
–  Utilização e integração de boas práticas de gerenciamento de serviços com o ITIL
–  Otimização da distribuição e gerenciamento da informação através das nuvens públicas, privadas e híbridas, reduzindo-se assim os gastos de TI
Quer saber mais? Venha assistir a palestra do professor: Tema:A Nova Geração de Data Centers – Como Projetar, Gerenciar e Diminuir o Consumo de Energia? 11/02/2012 Local: Faculdade Impacta Tecnologia – Rua Arabé, 71 – Vila Clementino Horário: 11h às 13h
Curtiu o post? Deixe seu comentários nos contando se você sabia que poderia otimizar a infraestrutura da Nuvem ou caso tenha ficado alguma dúvida!

1 Comentário

  1. Sandro disse:

    A discussão em torno de maneiras de otimizar infraestruturas de ambientes em TI é cada vez mais intensa.
    Com o crescimento do mercado, estas políticas estão sendo cada vez mais discutidas, p modelo de nuvem híbrida surge como uma boa alternativa de equilíbrio de gastos, integração e comtinuidade.

Deixe o seu comentário!

Não perca nenhum post!